Teodoro & Sampaio-Amor Proibido

Página Inicial
Sertanejo
Teodoro & Sampaio
Amor Proibido

Querida, nós nos enganamos com nossos sentimentos Nem eu nem você conseguiu cumprir o juramento Num gesto apressado você com alguém se casou Eu pra vingar também fiz um falso casamento Agora amar em segredo é uma traição Não deixe seu homem saber da nossa paixão E quando ele for te abraçar na hora do amor Finja que está feliz, não deixe ele perceber Que ao invés de prazer você sente pavor E quando no rádio tocar a nossa canção “Você foi o caso mais antigo O amor mais amigo que me aconteceu” Se ele estiver por perto e você sentir medo Esconda no quarto e chore seu pranto sentido Depois disfarçando abrace seu marido Não deixe que os olhos contem seu segredo Amor a vida é desse jeito Teremos que ocultar no peito A nossa paixão proibida Amor, estamos condenados A amar separados pro resto da vida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *